Show simple item record

dc.creatorSilva, Vanessa Lima da
dc.date.accessioned2022-02-08T17:58:53Z
dc.date.available2022-02-08T17:58:53Z
dc.date.issued2021-03-19
dc.identifier.citationSILVA, Vanessa Lima da. Mulheres em empresas de tecnologia: análises e desafios da carreira tecnológica no estado de pernambuco. 2021. 68 f. Monografia (Especialização) - Curso de Especialização em Gestão e Qualidade em Tecnologia da Informação e Comunicação, Campus Jaboatão dos Guararapes, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco, Jaboatão dos Guararapes, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ifpe.edu.br/xmlui/handle/123456789/408
dc.description.abstractThis research refers to the analysis of the difficulties and obstacles encountered by women in technology companies located in Pernambuco. Several challenges are encountered by women who choose technology as a career. Having as main objective to investigate which are the main challenges experienced in the organizational environment in technology companies in the state of Pernambuco and to collect a sample to analyze which gender challenges are predominant. The samples were collected through a questionnaire and a survey was carried out made up of 39 women who work in different sectors of the technological labor market in Pernambuco. The results pointed to the fact that there are still significant gender differences in the area of Technology, thus, it is of paramount importance the practices of incentive, diversity and minimizing the challenges in gender relations in the technological environment for women.pt_BR
dc.format.extent68 f.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.relation7 coisas que você deveria saber sobre Ada Lovelace. Disponível em: <https://super.abril.com.br/blog/superlistas/7-coisas-que-voce-deveria-saber-sobre- ada-lovelace/>. Acesso em: 20 jan. 2019. 10 fatos sobre Ada Lovelace que farão você admirá-la ainda mais. Rio de Janeiro: Revista Galileu, 28 fev. 2018. Disponível em: <https://revistagalileu.globo.com/Sociedade/Curiosidade/noticia/2018/02/10-fatos- sobre-ada-lovelace-que-farao-voce-admira-la-ainda-mais.html>. Acesso em: 20 jan. 2019. 10 mulheres que mais se destacaram na tecnologia em 2017.Disponível em: <https://canaltech.com.br/mercado/10-mulheres-que-mais-se-destacaram-na- tecnologia-em-2017-105904/ > Acesso em :10 jul. 2020. Accenture compromete-se a atingir a paridade de gênero em 2025.2017.Disponível em: < https://www.accenture.com/pt-pt/company-news-release-accenture-commits-gender-parity-2025> Acesso em :25 ago. 2019. ANDRADE, Juliana O.; NETO, Antônio C. Mulheres profissionais e suas carreiras sem censura: estudos sob diferentes abordagens, 1a ed. Atlas, 03/2015. ALMEIDA, P. P. Essa empresa não é lugar de mulher parideira: considerações feministas sobre as relações de gênero nas organizações. 2012 Disponível em: https://sol.sbc.org.br/index.php/eri-mt/article/view/8620.> Acesso em :15 nov. 2020. BRASIL. Brasil. Diretoria de Estatísticas Educacionais - Deed - Ministério da Educação. Censo da Educação Superior. 2018.Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/docman/setembro-2018-pdf/97041-apresentac-a-o-censo- superior-u-ltimo/file>. Acesso em: 04 nov. 2018 Cintia grupo de ciência e tecnologia da informação com elas. Disponível em: https://sites.google.com/cin.ufpe.br/cintia/ . Acesso em: 15 mar.2020. Cloud girls. Disponível em https://www.cloudgirls.com.br/ . Acesso em: 15 mar.2020. CAMARGO, Francielle Piffero et al. Relações de poder entre gêneros no ambiente organizacional: uma análise da representação feminina nas empresas de Tecnologia da Informação (TI) de Porto Alegre-RS. Ciência da Informação em Revista,2019. Disponível em: < https://www.seer.ufal.br/index.php/cir/article/view/7407> Acesso em: 15 nov .2020. DINO. Tecnologia também é ferramenta de inclusão, afirmam mulheres líderes no setor?. Revista Época, ago. 2018. Disponível em: <https://exame.abril.com.br/negocios/dino/tecnologia-tambem-e-ferramenta-de- inclusao-afirmam-mulheres-lideres-no-setor/>. Acesso em: 10/08/2019 DEMO, Pedro. Educar pela pesquisa. 2015. Disponível em: < https://idoc.pub/documents/demo-pedro-educar-pela-pesquisapdf-d47exwzp6jn2 >. Acesso em: 14 abr. 2020 EFE. Hedy Lamarr, atriz e inventora, criou o sistema precursor do Wi-Fi moderno. 2017. Disponível em: <http://cultura.estadao.com.br/noticias/cinema,hedy- lamarr-atriz-e-inventora-criou-o-sistema-precursor-do-wi-fi-moderno,70001749650>. Acesso em: 27 jan. 2019. ESTILLAC, Jéssica. Mulheres em TI: exceção, só que não: Presença e interesse de mulheres na área de tecnologia é uma tendência irreversível. 2018. Disponível em: <http://idgnow.com.br/ti-corporativa/2018/02/19/mulheres-em-ti-uma-excecao- so-que-nao/>. Acesso em: 19 jan. 2019. Estudo da Softex mapeia a participação das mulheres no setor de TI .Disponível em:<https://softexamazonia.com.br/estudo-da-softex-mapeia-a-participacao-das- mulheres-no-setor-de-ti/> Acesso em :23 fev. 2020. ENSMENGER, Nathan L.. The Computer Boys Take Over: Computers, Programmers, and the Politics of Technical Expertise. 2010. 324 f. TCC (Graduação) - Curso de Tecnologia, Massachusetts Institute Of Technology, Cambridge, 1972. Disponível em: <https://mitpress.mit.edu/books/computer-boys- take-over>. Acesso em: 29 jan. 2019. FRANCO, Bianca Caetano da Silva Martins; LOPES, Aimar Martins; BRETERNITZ, Vivaldo José. Gestão da Tecnologia da Informação: preconceitos de gênero prejudicam a carreira de mulheres que atuam na área?. Revista Brasileira em Tecnologia da Informação, v. 1, n. 1, p. 22-34, 2019.Disponivel em: https://www.fateccampinas.com.br/rbti/index.php/fatec/article/view/10 Acesso em 20 fev. 2021. Fortalecendo mulheres na área de tecnologia. Disponível em:https://medium.com/@cinufpe/cintia-grupo-mulheres-cin-ufpe-informatica- tecnologia-74bf3a55523 . Acesso em: 16 abr.2020. FELITTI, Guilherme. Por que há menos mulheres no setor de tecnologia? Revista Época ago. 2015. Disponível em: <http://epocanegocios.globo.com/Informacao/Dilemas/noticia/2015/08/por-que-ha- menosmulheres-no-setor-de-tecnologia.html>. Acesso em: 12/07/2019 GURER, Denise. Women in Computing History. 2002. Disponível em: <http://xover.mud.at/~marty/iug2/p116-gurer.pdf>. Acesso em: 04 out. 2019. GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002. Disponívelem:<http://docente.ifrn.edu.br/mauriciofacanha/ensino-superior/redacao- cientifica/livros/gil-a.-c.-como-elaborar-projetos-de-pesquisa.-sao-paulo-atlas- 2002./view>. Acesso em: 13 abr. 2020. GNIPPER, Patrícia. Mulheres históricas: conheça a história de Grace Hopper, a “vovó do COBOL”. 2016. Disponível em:<https://canaltech.com.br/materia/personalidades/mulhereshistoricas-conheca-a- historia-degrace-hopper-a-vovo-do-cobol-72559/>. Acesso em: 20 ago. 2019. GASPARINI,Claudia.Ela não brincou só de boneca e virou engenheira da google.2017 Disponível em:<https://exame.com/carreira/ela-nao-brincou-so-de-boneca-e-virou-engenheira-do-google/> Acesso em :25 fev. 2021. Hedy Lammar a mãe do wi-fi. Disponível em:<http://www.ime.unicamp.br/~apmat/curiosidades/> Acesso em :25 fev. 2021. IGNOTOFSKY, Rachel. As Cientistas - 50 mulheres que mudaram o mundo. São Paulo: Blucher, 2017. ISAACSON, Walter. Os Inovadores: uma biografia da revolução digital. Companhia das Letras, 2004. LOURENÇO, Ana Isabel de Campos et al. Consequências da ameaça de estereótipo de género no comprometimento organizacional e bem-estar dos colaboradores: um estudo experimental. 2019. Dissertação de Mestrado . Disponível em: <http://hdl.handle.net/10437/9695>. Acesso em : 10 jan. 2021. LINIK, Joyce Riha. Como as programadoras do ENIAC foram precursoras da indústria de software. 2016. Disponível em: <https://iq.intel.com.br/como-as-programadoras-do-eniacforam-precursoras-da-industria-de-software/>. Acessado em: 20 ago.2019 . LOPES,Larissa. 10-fatos-sobre-ada-lovelace-que-farao-voce-admira-la-ainda-mais.2018. Disponível em:<https://revistagalileu.globo.com/Sociedade/Curiosidade/noticia/2018/02/10- fatos-sobre-ada-lovelace-que-farao-voce-admira-la-ainda-mais.html> Acesso em :27 fev. 2021. Metade das mulheres em ti já sofreu discriminação no trabalho.2018 Disponível em: <https://computerworld.com.br/2018/03/22/metade-das-mulheres-em-ti-ja-sofreu-discriminacao-no-trabalho/> Acesso em :15 fev. 2019. MANZANO, José Augusto N. G.; OLIVEIRA, Jayr Figueiredo de. Estudo dirigido de algoritmos. SãoPaulo: Érica, 2015. Disponível em: <https://integrada.minhabiblioteca.com.br/#/books/9788536519067/cfi/4!/4/4@0.00:1 1.5>. Acessado em: 22 ago. 2019. MONTENEGRO, Rosilene Dias; GONÇALVES, Hugo Feitosa; SILVA, Alla Gustavo Freire da. Desenvolvimento e Gênero: indicadores da participação das mulheres na ciência e tecnologia. In: VIII SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO REGIONAL, 8., 2017, Santa Cruz do Sul, 2017. p. 1. Disponivel em: <https://online.unisc.br/acadnet/anais/index.php/sidr/article/view/16798> Acesso em 20 nov. 2020. MORESI, Eduardo et al. Metodologia da pesquisa. Brasília: Universidade Católica de Brasília, v. 108, n. 24, p. 5, 2003. Disponivel em: https://bit.ly/3qniXgj Acesso em : 03 Mar. 2021. MAYRINK,Peterson.Porto digital lança minas, programa de equidade de gênero. Disponível em: https://www.portodigital.org/119/37847-porto-digital-lanca-as-minas- programa-de-equidade-de-genero?id_cat=119&id_post=37847&slug=porto-digital- lanca-as-minas-programa-de-equidade-de-genero. Acesso em: 15 mar.2020. Mulheres de TI Recife. Disponível em https://www.mulheresdeti.recife.br/ . Acesso em: 15 abr.2020. OBSERVATORIO SOFTEX.Mulheres da TI: a atuação da mulher no mercado de trabalho formal brasileiro em tecnologia da informação. 2019. Disponível em: <http://www.softex.br/inteligencia/#cadernostematicos>. Acesso em: 11 de ago. 2019. OLIVEIRA, Cristiane Monteiro de. A presença das mulheres nas ciências exatas. 2012. 1 CD-ROM. Trabalho de conclusão de curso (licenciatura - Matemática) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá, 2012. Disponível em: <http://hdl.handle.net/11449/120256>. Acesso em 10 fev. 2020. ONU.Agenda 2030.2015 Disponível em: <https://nacoesunidas.org/pos2015/agenda2030/>. Acesso em: 25 ago. 2019. OLINTO,Gilda . A inclusão das mulheres nas carreiras de ciência e tecnologia no Brasil Tipos de Pesquisa. Disponível em: < http://revista.ibict.br/inclusao/article/view/1667 >. Acesso em: 20 abr. 2020. PIRES,Joselia;ALMEIDA,Darley . A inclusão das mulheres nas carreiras de ciência e tecnologia no Brasil. Disponível em: < https://sol.sbc.org.br/index.php/eri-mt/article/view/8620 >. Acesso em: 20 abr. 2020. PASS, Daniele Tem. Mulheres na ciência e tecnologia: uma animação em motion graphics. 2018. 182 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Tecnologia em Design Gráfico) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2018. Disponível em:< http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/13817> Acesso em: 20 fev. 2021. TAKE. A volta das mulheres na computação.2019. Disponível em: https://take.net/blog/devs/a-volta-das-mulheres-na-computacao/. Acesso em: 10 mar.2021. ThoughtWorks está entre as 10 Melhores Empresas para a Mulher Trabalhar no Brasil.2017.Disponível em: https://www.thoughtworks.com/pt/news/top-ten- company-brazil> Acesso em :25 ago. 2019. TUMERELO,Naína .O Pesquisa básica: material completo, com exemplos e características: Tipos de Pesquisa. Disponível em: <https://blog.mettzer.com/pesquisa-basica/#O-que-e-pesquisa-basica>. Acesso em: 15 abr. 2020.pt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectTecnologia da informação e comunicaçãopt_BR
dc.subjectMulherespt_BR
dc.subjectDesafiopt_BR
dc.subjectTecnologiapt_BR
dc.titleMulheres em empresas de tecnologia: análise e desafios da carreira tecnológica no estado de Pernambucopt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4428826084293103pt_BR
dc.contributor.advisor1Aureliano, Viviane Cristina Oliveira
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4428826084293103pt_BR
dc.contributor.referee1Carvalho, Adriano José de
dc.contributor.referee2Souza, Natália Mary Oliveira de
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9887295558203070pt_BR
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/0578758037141444pt_BR
dc.publisher.departmentJaboatão dos Guararapespt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.subject.cnpqCIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO::SISTEMAS DE COMPUTACAOpt_BR
dc.description.resumoEsta pesquisa refere-se à análise das dificuldades e obstáculos encontrados por mulheres nas empresas de tecnologia situadas em Pernambuco. Diversos desafios são encontrados por mulheres que escolhem a área tecnológica como carreira. Tendo como principal objetivo investigar os principais desafios vivenciados no ambiente organizacional em empresas de tecnologia no estado de Pernambuco e coletar amostra para analisar os desafios de gênero que são predominantes. As amostras foram coletadas através de questionário e foi realizada uma pesquisa composta por 39 mulheres que atuam em diversos setores do mercado de trabalho tecnológico em Pernambuco. Os resultados apontaram para o fato de que ainda existem diferenças de gênero significativas na área de Tecnologia, desta forma, é de suma importância as práticas de incentivo, diversidade e minimizar os desafios nas relações de gênero no ambiente tecnológico para as mulheres.pt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record